Pontos fortes e fracos do Brasil para atração de investimentos

Estudo publicado pela BRAiN – Brasil Investimentos & Negócios – lista sete requisitos essenciais para a classificação de um local como atrativo para investimentos e negócios: ambiente macroeconômico, ambiente institucional, talentos e capital humano, infraestrutura física, infraestrutura financeira, conectividade e imagem do país.

De acordo com o trabalho, podemos visualizar alguns dos pontos fortes e fracos brasileiros.

Ambiente macroeconômico

Segundo a publicação, o crescimento brasileiro anual deve ficar por volta de 4% a 4,6% nos próximos cinco anos. O país destaca-se ainda nos quesitos inflação sob controle e condições de financiamento.

Entre os pontos a serem desenvolvidos estão melhor distribuição de renda, desenvolvimento humano e gerenciamento fiscal.

Ambiente institucional

Apesar da estabilidade política alcançada com a consolidação da democracia, o país enfrenta problemas no ordenamento jurídico, com a instabilidade e a falta de clareza das normas.
Outros pontos fracos referem-se à modernização da máquina pública, especificamente a burocracia existente para pagamento de tributos e abertura de empresas, e à flexibilização das leis trabalhistas.

Talentos e capital humano

Uma das principais desvantagens brasileiras está neste quesito. O país possui uma grande População Economicamente Ativa (PEA) com relação às outras nações, no entanto, fica devendo na qualidade do ensino básico e superior, internacionalização de estudos e disponibilidade de engenheiros e gestores de qualidade.

“É possível para o Brasil transformar seu conjunto de talentos em força de atratividade para o polo de negócios. O cumprimento deste objetivo depende do planejamento estratégico de atividades e implementação, envolvendo todos os setores da economia, públicos e privados”, ressalta o estudo.

Infraestrutura física

Outro ponto fraco brasileiro, o estudo indica como crítico ou a desenvolver o oferecimento de opções de transporte nas metrópoles, a qualidade de transporte aéreo e de telecomunicações e a disponibilidade energética.

“Por insuficiência de investimentos nas últimas décadas, o Brasil cultivou grandes gargalos de infraestrutura física, em todos os elementos importantes para um polo de negócios”, aponta. E prossegue: “felizmente, existem iniciativas e planos nas esferas pública e privada para melhorar cada um destes elementos, sendo as parcerias público-privadas e os programas de concessões públicas para agentes privados exemplos de sucesso para investimentos na área”.

Infraestrutura financeira

O Brasil possui um sistema financeiro forte, com instituições sólidas. No entanto, ainda há espaço para melhorias referentes ao financiamento, especialmente de longo prazo, abertura ao capital internacional e segmento de derivativos.

Conectividade

Apesar do tamanho da economia brasileira, o país possui características críticas ou a desenvolver quando o assunto se refere à abertura comercial, fluxo de capitais, facilidade de ingresso de multinacionais estrangeiras e mobilidade de pessoas.
Desse modo, segundo mostra o estudo, há um grande espaço para iniciativas que tornem o país mais conectado com o mundo. Atualmente, no entanto, este ainda é um ponto fraco da nação.

Imagem do país

Embora tenha papel de destaque em eventos internacionais, abertura cultural e imagem no âmbito de lazer e turismo, o Brasil ocupa posição secundária na área de negócios, qualidade de vida e segurança.

“O bom patamar de partida da imagem nacional, as iniciativas brasileiras de imagem já em andamento e as melhorias nos aspectos reais a serem divulgadas podem dar ao Brasil as ferramentas necessárias para promover uma imagem forte de polo de investimentos e negócios. Adicionalmente, os eventos esportivos internacionais de 2014 e 2016 contribuirão ainda mais para esse momento brasileiro”, conclui o trabalho.

This entry was posted in Infraestrutura. Bookmark the permalink.

Leave a Reply

Se preferir, conecte-se com:

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>