Skip to content

Economistas precisam de um código de conduta?

janeiro 18, 2011

 Por Adriano Dutra Teixeira

Ética: Ter ou não Ter?

A Ética bate à porta da Economia. Um grupo significativo de economistas norte-americanos entregou recentemente uma petição à American Economic Association, com vista à urgência de se criar um código de conduta para os profissionais do setor.

Os adeptos à formulação do código argumentam que pelo fato de muitos economistas acadêmicos terem ligações financeiras com organizações da indústria, governo ou outros, isso pode causar viés de investigação.

A seguir, um trecho da petição enviada por Gerald Epstein e Jessica Carrick-Hagenbarth, dois economistas da Universidade de Massachussets, à AEA, e assinada por um conjunto de 300 economistas.

“Os economistas deverão manter o mais elevado nível de integridade na sua atividade profissional e evitar conflitos de interesse (…). Adicionalmente, os economistas deverão revelar fontes de suporte financeiro e relacionamentos relevantes, pessoais e profissionais, que possam aparentar ou potenciar um conflito de interesse no que respeita a discursos ou tomadas de posição pública [incluindo as escritas], bem como nas suas publicações acadêmicas”.

Mas a questão persiste: poderá um código de conduta solucionar tais insuficiências, não sendo um instrumento jurídico e, por isso, não contendo mecanismos de monitorização ou punição?

O debate em torno da questão está animado e a The Economist, juntou-se ao mesmo, trazendo a posição de economistas norte-americanos sobre a criação do código. Eficaz ou não, teremos ética quando todos os outros economistas participarem da conversa.

37 Comentários leave one →
  1. janeiro 21, 2011 2:17 pm

    Aplicamos a enquete “Economistas precisam de um código de conduta?” no Twitter, assim, os comentários abaixo que começarem o nome com ‘@’ são respostas que nossos seguidores nos enviaram via Twitter. Deixe seu comentário também!

  2. @aristotelesb permalink
    janeiro 21, 2011 2:18 pm

    O homem precisa de ética. Porque os economistas deveriam fugir à regra? Claro que precisa.

  3. @Gabrieloeen permalink
    janeiro 21, 2011 2:18 pm

    Forçar os economistas a revelar fontes não aparenta ser algo ético, logo não devia fazer parte de um código de ética.

  4. @lucasechimenco permalink
    janeiro 21, 2011 2:20 pm

    Economistas são profissionais com enorme poder de influenciar pessoas mas somente há mídia interessada nisso…

  5. @airtonteves permalink
    janeiro 21, 2011 2:20 pm

    Todos os pesquisadores acadêmicos, inclusive economistas devem ser obrigados a divulgar potenciais conflitos de interesse.

  6. @WilsonJMM permalink
    janeiro 21, 2011 2:21 pm

    Como qualquer outra categoria profissional. Ninguém está isento de ser ético em suas atividades.

  7. @mattozinhos permalink
    janeiro 21, 2011 2:21 pm

    Todos precisam de um código de ética. A falta deste deixa os profissionais e o mercado como reféns do bom senso de cada um.

  8. @mefleal permalink
    janeiro 21, 2011 2:22 pm

    Um código de conduta é uma loucura! Não tenho dúvida que poderá prejudicar o rigor do discurso econômico.

  9. @mefleal permalink
    janeiro 21, 2011 2:22 pm

    Quer saber minha opinião? Estão criando um código para todos os economistas, mas os culpados são só economistas do governo.

  10. @rodrigobarni permalink
    janeiro 21, 2011 2:23 pm

    Interferência do governo só atrapalha, devemos deixar a ética dos economistas – ou falta dela – ser regulada pelo mercado.

    • @airtonteves permalink
      janeiro 21, 2011 2:41 pm

      interferência será útil sim! Num mercado concentrado a mão invisível precisa de uma ajudinha.

  11. @airtonteves permalink
    janeiro 21, 2011 2:24 pm

    Sou a favor desses códigos, mas ceteris paribus não tenho certeza que eles ajudam muito. Pesquisadores que têm potenciais conflitos de interesse devem revelá-los, eliminando externalidades negativas sobre todos. Todos necessitamos de um código de ética. Possuir as próprias normas éticas é importante p/ informar-se da própria carreira.

  12. @jairo_jr permalink
    janeiro 21, 2011 2:24 pm

    Pra mim todas as profissões precisam de um Código de Ética.

  13. @WagnerMopho permalink
    janeiro 21, 2011 2:27 pm

    Mercado sempre será refém de um ou de outro afinal isso é capitalismo. Um código de ética tolheria o profissional

  14. @opinionatico permalink
    janeiro 21, 2011 2:30 pm

    Ética é um conjunto de princípios intrínsecos a cada um. Se alguém precisa de Código de Ética é porque não tem.

  15. @Gabrieloeen permalink
    janeiro 21, 2011 2:31 pm

    Um código de ética regula uma profissão, estipula regras de bom comportamento e pune os sem escrúpulos. eu apoio a criação.

  16. @flipe_danta permalink
    janeiro 21, 2011 2:33 pm

    Não acredito em pesquisa desinteressada. Pessoas escolhem tema e metodologias, p/ satisfazer o ímpeto. Isto levará a vieses. O fato de que a pesquisa seja afetada pelo viés pessoal não significa que seja errado ou comprometa os resultados.

  17. @opinionatico permalink
    janeiro 21, 2011 2:34 pm

    Código de Ética não pode ser usado p/ restringir ou inibir livre fluxo de informações, opiniões, críticas e ideias.

  18. @lu_silveira permalink
    janeiro 21, 2011 2:35 pm

    Sim, precisam de um código de ética formalizado. mas ainda que não tenham, a ciência em si providencia um código.

  19. @capituka permalink
    janeiro 21, 2011 2:36 pm

    Um código de Ética pode funcionar em um curso em que a disciplina Ética é optativa (aqui na UFSCar)? hahahahaha

  20. @feliazuaga permalink
    janeiro 21, 2011 2:36 pm

    Mecanismos de comando e controle juridicos não são os unicos existentes….só lembrar os ensinamentos do Coase

    • @mefleal permalink
      janeiro 21, 2011 2:53 pm

      teorema de Coase? Mas seria fácil negociar com os economistas? Acho que não. E os custos de transação?

      • @feliazuaga permalink
        janeiro 21, 2011 2:57 pm

        acho que não seria tão fácil mesmo…. códigos de ética informais são dificeis de se implementar. a idéia do Coase é que códigos sociais com alto grau de “enforcement ” seriam mais úteis que normas (formais) juridicas

  21. @flipe_danta permalink
    janeiro 21, 2011 2:37 pm

    É dever dos profissionais revelar potenciais conflitos. Isso inclui acordos de consultoria, apoio à pesquisa e outros.

  22. @SenhorMatos permalink
    janeiro 21, 2011 2:38 pm

    O próprio crédito é uma informação, e muitas informações dependem de segurança da informação.Obrigar a declaração da fonte, pode forçar uma atitude antitética, por parte daquele que fornece a informação.É um assunto importante mas que precisa ser ponderado, por causa do próprio conceito de crédito.

  23. @airtonteves permalink
    janeiro 21, 2011 2:39 pm

    punir? não um código de ética não fará isso… ele seria para orientar quem quer fazer o certo, só isso.

  24. @igorjimmy permalink
    janeiro 21, 2011 2:43 pm

    na verdade a ética é mascarada, na pratica ela n existe.. etica e economia n são aliadas, por isso temos tanta desigualdade

    • @mefleal permalink
      janeiro 21, 2011 2:44 pm

      Ética e Economia podem caminhar juntas sim. Legislar a transparência no trabalho é o caminho.

      • @igorjimmy permalink
        janeiro 21, 2011 2:45 pm

        .podem mais não caminham.. se vc afirmar que caminham estaria sendo hipocrita

  25. @lu_silveira permalink
    janeiro 21, 2011 2:44 pm

    toda escolha (de objeto, de enfoque) pressupõe um viés, uma preferência e isso é inevitável. Ético é não esconder isso.

  26. @lu_silveira permalink
    janeiro 21, 2011 2:50 pm

    não acredito em isenção nem em ciência isenta; pra isso vale o cód de ética, pra restringir interesses…

  27. @mateuslamberti permalink
    janeiro 21, 2011 2:51 pm

    Os economistas precisam ser responsabilizados por seus atos. Mas como isso não é algo fácil, uma maior regulação cai bem!

  28. @mateuslamberti permalink
    janeiro 21, 2011 2:52 pm

    Esse negócio de sociedade avançada não é satisfatório. A crise começou no coração financeiro dos EUA e não no Brasil.

  29. @mefleal permalink
    janeiro 21, 2011 2:58 pm

    Haverá produção de pensamento de qualidade quando os cientistas eliminarem a informação assimétrica no mercado de ideias.

  30. @PreparaemOsasco permalink
    janeiro 21, 2011 3:01 pm

    Queria aproveitar o debate/São os economistas que ditam os rumos da economia/Sou a favor de um controle ético sobre eles.

  31. @opinionatico permalink
    janeiro 21, 2011 3:01 pm

    É importantíssimo garantir e proteger os direitos individuais.

Trackbacks

  1. Código de Ética e a resposta dos twitteiros « Prosa Econômica

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s