Skip to content

Um pouco de teoria dos jogos na TV

outubro 19, 2012

Há algumas semanas, durante a aula de Finanças, assistimos a alguns vídeos que ilustram bastante a vantagem de se conhecer um pouco de teoria dos jogos. Não sei se vocês já ouviram falar de um programa chamado “Golden Balls”, da TV britânica, mas ele é um excelente exemplo de como se comportar usando os conceitos de economia.

A dinâmica básica é a seguinte: os competidores acumulam durante o programa uma certa quantia de dinheiro e, na última rodada, decidem se dividem o prêmio com o outro concorrente ou roubam-no (split or steal). Se os dois decidem dividir, o prêmio é compartilhado; se um opta por roubar e o outro dividir, o primeiro fica com toda a quantia; mas se ambos escolhem roubar, os dois saem de mãos vazias. Resumidamente, temos a seguinte matriz de payoff:

Neste tipo de jogo, há um forte incentivo para que o competidor “roube” o adversário e os dois fiquem sem nada. Mesmo assim, situações como essa acontecem…

Um vídeo, no entanto, chamou bastante a atenção. Um competidor que conhece, mesmo que intuitivamente, teoria dos jogos, leva seu concorrente a escolher “dividir”. Afinal, sob o ponto de vista de uma pessoa altruísta, se o resultado é que ambos sairiam do programa sem nada, por que não possibilitar que ao menos o outro receba algum dinheiro? Seria uma melhoria no sentido de Pareto, dado o resultado mais provável.

Outro exemplo clássico que aparece com frequência nas aulas de economia foi imortalizado no filme “Quebrando a banca”. Trata-se de um jogo em que existem três portas, mas em apenas uma há prêmios. O participante escolhe uma das alternativas. Se o apresentador, que sabe qual é a resposta premiada, abre uma porta vazia e dá ao competidor a chance de mudar a escolha, ele deveria trocar a aposta inicial? E você, conhece mais algum exemplo de teoria dos jogos usado em programas de TV? Compartilhe com a gente.

5 Comentários leave one →
  1. paola permalink
    outubro 20, 2012 12:12 am

    Muito legal!!! Esses post me lembra os programas do Silvio de uns tempos atrás!
    Aonde a vaca vai…. o boi vai atrás….

    • Jorge permalink
      outubro 21, 2012 6:55 am

      Boa observação, Paola. Aqui tem a “versão Sílvio Santos” do Split or Steal…
      https://prosaeconomica.com/2012/10/20/silvio-santos-teoria-dos-jogos/

  2. Anônimo permalink
    outubro 20, 2012 1:10 am

    Respondendo a pergunta: ” Se o apresentador, que sabe qual é a resposta premiada, abre uma porta vazia e dá ao competidor a chance de mudar a escolha, ele deveria trocar a aposta inicial?”

    resposta: deve mannter. Mas pq????

    • Jorge permalink
      outubro 21, 2012 6:58 am

      Na verdade, ao se alterar a primeira escolha, o competidor passa de uma probabilidade de acerto de 33,333…% para 66,666…%, de modo que é vantajoso mudar de porta. Uma explicação para isso você encontra no link: http://www.youtube.com/watch?v=B6kYbt4LyLA.

Trackbacks

  1. Sílvio Santos e Teoria dos Jogos « Prosa Econômica

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s