Skip to content

A obesidade pode ser pior?

abril 5, 2013

Sim, pode. Grande parte das estatísticas da obesidade vêm do auto-relato das pessoas: elas mesmas informam seu peso e altura, e assim é computado o IMC. Digamos que as pessoas mentem.

tabela -- obesidade reportada vs obesidade real

Digamos, que ainda pior, que a notificação falsa do IMC seja sistemática e não-aleatória. Certamente isso produz resultados subestimados (e quem sabe, viesados) para a obesidade. Digamos que para alguns países (como a Irlanda) têm sido observado que as pessoas tem mentido cada vez mais nos auto-relatos. Ficou sério, não?

Artigo recém-lançado do David Madden (via Economic Logic) aborda a questão do uso de auto-relato de IMC como indicador para o IMC “verdadeiro”. A classificação usual é a de que o IMC maior que 30 é indicativo de obesidade. Ocorre que, devido a estes problemas mencionados, a utilização do limiar de 30 para o IMC auto-relatado conduz a uma substancial subestimação da obesidade. O artigo discute diferentes critérios que poderiam ser aplicados a fim de se chegar a um novo valor de limiar. Um dos métodos utilizados pelo autor sugere que o novo IMC mínimo indicativo da obesidade seja 26 — o que significa que muita gente seria transferido de categoria.

Claro que, melhor do que propor um novo limiar, o ideal seria de fato medir — levar a balança e fita métrica nas pesquisas. A título de ilustração, no Brasil este procedimento é realizado na POF (que costuma ser de 5 em 5 anos); vale lembrar também que há alguns países (EUA, por exemplo) com pesquisas muito mais detalhadas, medindo não só peso e altura, mas também a % de massa gorda e a circunferência abdominal (considerados mais “precisos” pela literatura).

No comments yet

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s